Mail-marketing - imagem: aehweb.com.brOs números devem estar certos: 80% do que circula nos servidores de e-mail é SPAM, mensagens não solicitadas, com todos os tipos de propósito, desde vender remédios que auxiliem no desempenho sexual, iscas para capturar seus dados bancários, serviços de lojas virtuais e é claro, listas de e-mail para que você possa dar sua contribuição ao lixo que circula pela internet. Você já parou pra pensar em qual é a eficiência de listas de e-mail?

Vocês costumam atender vendedores de porta em porta? Quem mora em cidade menor sabe bem do que eu estou falando. Sempre há alguém batendo na porta querendo vender de tudo. E quantas vezes o telefone toca pedindo ajuda para instituições de caridade? Quanta correspondência chega com promoções e ofertas que você nem desconfia como descobriram seu nome e endereço correto? Quase tudo termina em um “não, obrigado”, um “esse mês não posso” ou a lata do lixo.

Com o e-mail marketing é a mesma coisa. Os vendedores de serviços de envio de e-mail pregam que uma eficiência de 1% em uma lista de 100.000 nomes resulta em mil potenciais clientes, mas eles não mostram como essas listas são conseguidas e não garantem que existam 100.000 e-mails ativos nelas. Pra obter e-mails, robôs vasculham a internet, capturando esses dados de páginas e sites e acrescentando os endereços, sem autorização, e sem nem mesmo ter noção de quem é e qual o perfil do dono daquele e-mail.

Acredite: não vale a pena mandar e-mail pra quem não tem interesse em seu produto. Aliás, e-mails já estão caindo em desuso, sendo substituídos por formas mais ágeis e limpas (sem SPAM, no caso), como redes sociais e comunicadores instantâneos. Tenha essa regra em mente: só envie mensagens exclusivas e quando solicitadas pelo destinatário. Vale mais a pena se dedicar a construir um cadastro exclusivo de e-mails, de pessoas que livremente escolheram receber suas mensagens e portanto onde o retorno será maior, que jogar dinheiro pela janela e ainda correr o risco de ver sua marca causar más impressões. O investimento será muito mais lucrativo e sua marca sai ganhando.

Eficiência do e-mail marketing
0 votos, 0.00 média (0% pontuação)