Envio de newsletters - imagem: smallbiztrends.comJá falei algumas vezes de newsletters aqui no blog. Disse que não gosto de newsletters pelos problemas causados pelo spam e inúmeros e-mails enviados sem solicitação, por e-mails cadastrados em listas de e-mail sem autorização e também que cada vez mais o e-mail é menos usado.

Defendo que há outras formas mais eficazes de se atingir o cliente já engajado em seu negócio, seja via redes sociais, seja via blogs (que podem por exemplo ser assinados via feeds RSS e chegar direto no leitor do cliente). O e-mail muitas vezes acaba parando na lata do lixo, sem que seja visto e ainda congestionando os servidores.

Mas se ainda assim você quer fazer uso das listas de e-mail e já seguiu as dicas que eu dei pra montar uma lista eficiente, vamos às dicas para montar uma newsletter de qualidade:

  1. ajuste a frequência de envio de suas mensagens. Seus clientes e seu negócio dirão se é melhor mandar e-mails mensais, quinzenais, semanais ou até mesmo em último caso, diários. A minha experiência diz ser melhor um e-mail mais recheado e que prenda a minha atenção do que e-mails constantes que acabam sendo abertos apenas quando há uma grande “chamada de capa”
  2. invista em um template de qualidade, organizado e visualmente agradável. Uma newsletter é como uma página de internet, mas que é aberta no cliente de e-mail. As informações precisam estar dispostas adequadamente, pois da mesma forma que seu site, se o cliente não se achar ou não gostar da página, ele vai embora
  3. não sobrecarregue de imagens: digo mais, evite-as ao máximo, colocando só as imagens necessárias. A maioria dos clientes de e-mail bloqueiam as imagens sendo necessário que o leitor clique para habilitar sua exibição. Muitas vezes tudo que o leitor vê é uma página em branco, já que a única coisa que havia no e-mail eram imagens
  4. invista em conteúdo de qualidade. Você não precisa (nem deve) colocar toda a informação no e-mail, pois a ideia é atrair o visitante para o seu site e lá dar maiores detalhes e conduzi-lo a uma ação, mas é preciso que o conteúdo do e-mail tenha qualidade e seja claro. Se o leitor não se sentir atraído pelo conteúdo, o e-mail simplesmente vai pro lixo, mas pior que isso é ele clicar em uma chamada e ao chegar em seu site constatar que não era nada daquilo. Aí, sua empresa passará por mentirosa
  5. esqueça Flash, vídeos ou música nos newsletters. Também esqueça javascripts ou rotinas automáticas. A codificação do e-mail tem que ser a mais simples possível, usando no máximo HTML e CSS, e sempre monitorando para ver como anda a taxa de abertura dos e-mails
  6. otimize: a maior parte dos softwares traz relatórios para acompanhamento do envio e taxa de sucesso das neswletters. Gaste um tempo pra ver como seus leitores estão entendendo seus e-mails e o que pode ser melhorado. Utilize também o Google Analytics para ver como suas newsletters estão contribuindo para as conversões, que no final é o que realmente importa

E você, quais são suas dicas para montar newsletters de qualidade? Os comentários estão abertos!

Como montar newsletters de qualidade?
0 votos, 0.00 média (0% pontuação)
  • http://www.facebook.com/marcosvbohrer Marcos V Bohrer

    Ótimo texto Andre, porém a newsletter ainda é uma das formas que mais dão retorno, apesar da quantidade descartada!

  • http://www.facebook.com/andregugliotti Andre Gugliotti

    Ainda defendo q uma boa estratégia em Redes Sociais dá muito mais retorno do q enviar e-mails…